...

Fundamentos

Minha foto
Coronel Fabriciano, MG, Brazil
Se eu pudesse escolher entre viver e morrer, eu escolheria os dois. Viveria pra ser feliz, ser eu mesma. E morreria com a satisfação de saber, que eu fui alguém, alguém feliz!

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Ao abismo

Depois de sair em direção ao parque, eu os vi. Como eram fragéis e manipuláveis! Havia um grupo de amigos, alguns deles se refugiavam num canto com suas garrafas de bebidas alcoólicas e passavam o cigarro dentre eles. A outra parte do grupo estava se drogando e aparentemente dizendo coisas sem sentido. A face deles era de desespero e desentendimento em relação ao que estava acontecendo, mas, eu percebi no olhar de cada um, que aquele momento era de angústia e irracionalidade, é claro que não sabiam o que estavam fazendo. Os jovens a cada dia, acabam com suas vidas por coisas sem sentido, os jovens de hoje não sabem agradecer o que tem e não valorizam as suas oportunidades. O sofrimento não ataca somente o pobre e fraco, está em todos os lugares e não escolhe a classe social, escolhe a quem se deixa influenciar, que se deixa ser escolhido pela fraqueza. Jovens são o espelho da sociedade, são a sombra do que a mídia transmite a cada dia nos noticiários e a flor da pele, eles só estão praticando o que vêem todos os dias. Só nos resta saber, o que irá acontecer com nossa geração "abjeto"?

Nenhum comentário:

Postar um comentário